Técnico Eletricista
 
HOME PAGE \ Técnico Eletricista

INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO ELÉTRICA RESIDENCIAL 

A instalação elétrica é uma das etapas mais importantes na construção e reforma de uma casa. Se não for feita com qualidade pode acabar gerando despesas extras. A eletricidade quando mal aplicada pode gerar perigo, como tomar um choque elétrico e provocar incêndios e até acidentes fatais. A melhor forma de convivermos em harmonia com a eletricidade é conhecê-la, tirando dela o melhor proveito, desfrutando de todo seu conforto com a máxima segurança .Numa instalação ou manutenção residencial, devem ser considerados os seguintes itens:

1 - Levantamento de potências – O levantamento das potências necessárias para uma instalação elétrica residencial é feito com base na quantidade de pontos de luz e tomadas que serão instaladas na residência, levantando-se o total de cargas e consequentemente a potência total para a instalação, de acordo com a NBR5410 de 2004 item 9.5.2.

2 - Levantamento dos Pontos de Iluminação – Conforme Norma NBR5410.

3 - Levantamento dos pontos de tomadas – Pontos de tomadas são aqueles nos quais são ligados a maioria dos aparelhos e equipamentos residenciais. Um ponto de tomada pode ter uma ou mais tomadas de corrente e podem ser de uso específico ou de uso geral..

4 - Tipo de Instalação, Tensão de Alimentação e Padrão de Entrada – A instalação pode ser monofásica, bifásica ou trifásica, dependendo da potência total calculada. Para potência até 12000W, a instalação deve ser monofásica, entre 12000 a 25000W bifásica e de 25000 a 75000W, trifásica.

5 - Quadro de distribuição (QD) – O quadro de distribuição (QD), também chamado de quadro geral, é o controlador de energia da unidade residencial. Nele são recebidos os fios que veem do ramal de ligação, é montado o sistema de proteção e dele saem todos os circuitos de alimentação para lâmpadas, tomadas, chuveiros, aquecedores, máquina de lavar, forno de micro-ondas etc. Deve ser montado em local de fácil acesso e o mais perto possível do medidor

6 - Disjutores termomagnetico e diferencial residual.

7 - Circuito de Distribuição e Circuitos Terminais.

8 - Condutores Elétricos – Os condutores elétricos (fios e cabos elétricos) representam um dos itens mais utilizados nas instalações elétricas residenciais. Os condutores se apresentam de formas e formatos variados, devendo o projetista e instalador conhecer todas as características construtivas e técnicas do material. Esse conhecimento é de grande importância para a qualidade, economia e segurança da instalação. . Os cabos e fios elétricos são projetados para durar de 20 a 25 ano, dependendo é claro, da carga e temperatura que serão submetidos. Hoje temos fios e cabos que resistem até 20% a mais de temperatura, dependendo da sobrecarga que são submetidos.  

 

 

 

Técnico Eletricista - Deverá possuir experiência comprovada em instalação e manutenção elétrica residencial.  Deverá ser capaz de efetuar levantamento e leitura de circuito elétrico residencial, bem como efetuar serviços de montagem e manutenção elétrica. utilizando as Normas da ABNT correspondentes e padrões técnicos operacionais.para o serviço, bem como utilizar as recomendações de segurança indicadas. O funcionário deverá zelar pelos equipamentos e aprelhos elétricos utilizados para a execução dos serviços, cuidando dos mesmos e devolvendo-os ao almoxarifado após a utilização.

 

MATÉRIAL EM EDIÇÃO - 09/03/2017

 

Acesse também o nosso e saiba mais.  
 
 
 
CLIQUE AQUI PARA AMPLIAR.
Copyright 2017 © GP Serviços. Todos os diretos reservados. Design by